Pesquisar

Myriam Glatt | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

Postado em: 8 fevereiro , 2021

Compartilhe com:

 

1 Myriam Glatt | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

Ordem e progresso

Políptico de 4 esculturas de parede | 37x150x4cm (37x32x4cm cada)

Pintura acrílica sobre papelão cortado com abas | 2020
Myriam Glatt (myriamglatt) vive e trabalha no Rio de janeiro. Formada em arquitetura pela Santa Ursula R.J., pós-graduada em artefilosofia Puc R.J. (2014). Estudou arte no San Francisco Art Institute, no Santa Barbara City College, Ca USA (83/84), pintura/teoria na EAV Parque Lage-R.J, com Charles Watson (95/97), João Magalhães, Ivair Renaldim, Daniel Senise, Fernando Cocchiarale e Marcelo Campos (2008 a 2013). Participou de grupo de estudos dos curadores Marcelo Campos (2015), Daniela Labra (2017), Keyna Eleison (2018) e Marisa Flórido (2019). Acompanhamento Ivair Reinaldim e  Pollyana Quintella (2020).
A artista participa do Salão com uma série de esculturas de parede.
Texto da artista sobre as obras:

A obra ORDEM E PROGRESSO (2020), feita exclusivamente para o Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online, opera uma desconstrução dos elementos que compõem a bandeira nacional: losango, esfera, faixa e estrelas. Cada um deles é pintado em sua cor original, mas já separados e desmembrados de seu contexto original. O que se realiza é um processo de decupagem da bandeira, questionando a eficácia dos ideais projetados por ela no presente. 


Mas não se trata apenas de comentário crítico. A obra é também um exercício de composição que interpreta esses elementos a partir de sua vocação geométrica e abstrata. Além disso, há alguns anos, minha pintura se realiza sobre suportes de embalagem e outros materiais de descarte. Em ORDEM E PROGRESSO é possível notar que o suporte para a pintura são caixas de “pizzas” abertas, cujas abas agregam informação plástica para o trabalho, projetando-o para além do bidimensional.  Na quarentena, esse processo se intensificou, pois comecei a coletar meus próprios descartes, reunindo caixas de diversos materiais que estavam disponíveis na minha própria casa. 
2 Myriam Glatt | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online
3 Myriam Glatt | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online
4 Myriam Glatt | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

Principais individuais: Arquiteturas Instáveis- Candido Mendes, curadoria Paulo Sergio Duarte (2020), Plano Pictórico Piloto – Museu dos Correios Brasília, curadoria Ivair Reinaldim (2019, Descartes – Centro Cultural Correios RJ, texto curatorial Mario Gioia (2018), Descartes – Centro Cultural Correios SP, curadoria Keyna Eleison (2017), Tempo, da contenção à expansão – CCJF, curadoria Isabel Sanson Portella (2017), Coletivos, manchas e contornos – Galeria TAC, curadoria Mário Gioia (2015);


Principais coletivas: 11º Salão Artistas sem Galeria – Galeria Zipper SP (premiada em 3º lugar), Galeria Lona SP, Galeria Murilo Castro BH , curadoria Celso Fioravante (2020); Nas Àguas que se Escondem – Espaço Cultural Correios Niterói, curadoria Marisa Flórido (2019), Paralela Eixo – Reserva Cultural Niterói (2019), ArteFormatto – Espaço Bossa Nova SP, curadoria Gisele Rossi e Lica Pedrosa (2018) Ocupação corredor cultural CCBB/Casa França Brasil/ Correios RJ – Curador Paulo Branquinho (2018); Carpintaria para Todos – curadoria Marcelo Campos, Bernardo Mosqueira e Luisa Duarte (2017); Fora da Ordem – Parque das Ruinas (2017) Circuito Interno fevereiro – Fabrica Bhering (2017); Qual é o seu link ? – Centro M. Calouste Gulbenkian, curadoria Lucia Avancini (2015 );  Onde estou – Galeria Tac Galpão, curadoria Marcelo Campos (2013).
Premiações: 
2020 – 11o Salão Artistas sem Galeria – Galerias Zipper, Lona SP e Murilo Castro BH – 3º Lugar
Acervos – particulares – Colecionadores Claudio Valansi , Sabina Matz,  Zé Ronaldo 
Instituições – Centro Cultural Correios RJ, SP e Universidade Federal do Espírito Santo
Leilões Beneficientes virtuais 2020- Nelson Sargento, curadoria Gloria Ferreira 
CUFA(Central Única das Favelas) – Galeria Úmida, curadoria Carlos Bertão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

OUTROS POSTS

CORAL DO IBEU na cerimônia de abertura da exposição “Caminhos da Independência”, realizada pela Fundação Biblioteca Nacional

Criado em 1962, o Coral do Instituto Brasil-Estados Unidos, IBEU, tem como objetivo desenvolver a percepção e a habilidade musical de seus integrantes, bem como...
31 outubro, 2022

Catálogo – 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

A 1ªedição do Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online foi lançada com o objetivo divulgar a produção contemporânea de arte brasileira realizada em 2020,...
20 abril, 2021

Vicente Brasileiro | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

Até onde a vista não alcança Fotografias digitais em papel Hahnemühle 50x37cm | (2020) Vicente Brasileiro (@brasileirovicente) é artista visual, vive e trabalha em São...
22 fevereiro, 2021

Thomaz Meanda | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

Morte residual Tríptico – Lápis dermatográfico s/ papel brilhante 60x146cm (2020) Thomaz G. Meanda (@thomazgmeanda), paulista, vive atualmente na capital de São Paulo, atua nas...
22 fevereiro, 2021

Sandra Gonçalves | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

  Pandemia 1 – Série Limbo Fotografia Digital s/ papel algodão | 100x100cm (2020) Sandra Maria Lúcia Pereira Gonçalves (@@sandragoncalves) nasceu no Rio de Janeiro...
18 fevereiro, 2021

Rodrigo Westin | Artista participante do 1º Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online

  Mais uma, menos uma. Série Vazios da quarentena Técnica mista sobre tela | 20x30cm. (2020) Rodrigo Westin (@rodrigowestin) é Doutorando em Artes Visuais –...
18 fevereiro, 2021

Teste seu Inglês grátis

O IBEU te ajuda a saber e a traçar o melhor
caminho para o aprendizado

Teste seu
Inglês grátis

O IBEU te ajuda a saber e a traçar o melhor caminho para o aprendizado