Você sabe o que é BookTuber?

Você sabe o que é BookTuber? É uma palavra usada para definir quem produz conteúdo no YouTube relacionado ao universo da leitura, como resenhas e indicação de livros, bate-papo com autores, cobertura de eventos literários. Baseado nisso, o Ibeu promove, anualmente, o Concurso Cultural Ibeu BookTubers, no qual, os alunos fazem resenhas, em inglês, de seus livros preferidos em nosso canal na plataforma.

No dia 08/06, promovemos em nosso Instagram uma live sobre o tema com a aluna Bianca Meneses, vencedora da última edição, com o livro “O ladrão de raios”. No bate-papo ao vivo com a bibliotecária do Ibeu, Janaína Reina, a menina contou a experiência de participar do concurso e resenhou o livro “A cinco passos de você”. Confira abaixo um resumo do que rolou!

Como faz para se inscrever no concurso?
O aluno envia seu vídeo, e todos que estiverem dentro do regulamento são publicados no canal do Ibeu no YouTube. Todos os alunos podem participar, não tem restrição de idade e nível de inglês.

Quais são os critérios de avaliação?
Todo ano, o Ibeu lança um regulamento acerca do concurso. Na última temporada, entre os critérios estavam a qualidade da resenha, o nível de inglês compatível com o nível do aluno no Ibeu, a identificação do livro (o booktuber deverá mostrar o livro impresso ou o e-book no vídeo) e a qualidade de iluminação e áudio do vídeo. A nota do vídeo é uma soma de pontos dos critérios.

O que motivou a Bianca a participar do concurso?
No início, eu estava bem animada pelo prêmio, uma Polaroid que eu estava louca para comprar. Mas tinha horas que me questionava: “será que faço mesmo? Não acho que vai dar certo, nunca ganho nada”, e em outros momentos pensava “vou fazer três vídeos para ter mais chance”. Acabou que decidi fazer, porque minha irmã falou bastante para eu me inscrever. Eu não estava confiante, mas quando enviei o vídeo, meu nível de confiança aumentou. Podia não dar certo, mas pelo menos eu tentei. Eu nunca saberia se iria ganhar, se não tivesse participado.

Qual dica você daria a seus colegas que querem participar, mas tem vergonha?
Vai dar certo! Mesmo que você não ganhe, a participação vai acrescentar alguma coisa na sua vida. Mesmo que eu não tivesse ganhado, meu vocabulário de inglês melhorou bastante e eu adquiri muito aprendizado. No concurso, eu também descobri que a forma que acho mais fácil de aprender inglês é fazendo redação.

Você demorou muito para terminar o livro “A cinco passos de você”?
Não, eu terminei em um fim de semana, porque é um livro extremamente gostoso e fácil de ler. É uma leitura rápida. A história e o jeito que é escrito são muito bons. Você consegue ler do ponto de vista dos dois protagonistas e, com isso, entender melhor cada personagem. Acho que isso foi uma das coisas que me fizeram ler mais rápido, além de ser um livro bem fininho.

Você assistiu ao filme antes do livro? Você acha que fez jus?
Sim, e acho que fez jus ao livro, mas isso não é desculpa para não lê-lo. O filme é muito parecido com o livro, mas o livro tem mais detalhe, você entra na cabeça do personagem.

Qual seu personagem preferido deste livro? Por quê?
Eu gosto muito do Paul, o melhor amigo da protagonista. Eu me identifiquei com ele, porque ele é muito excêntrico e extrovertido, fala com todo mundo. Ele não é um personagem muito bem explorado, mas, se a escritora decidisse fazer outro livro, outra franquia na qual ele fosse melhor explorado, acho que daria um ótimo livro. Ele é daquele tipo de pessoa que tem muita história para contar.

Qual foi a parte mais marcante do livro?
Uma cena que pode não ter muito sentido de ser marcante, mas eu achei bastante. Era a festa de aniversário do protagonista, na qual todos estavam em uma distância considerável, devido à doença, e ele não podia assoprar as velas do bolo por esse mesmo motivo. E essa parte, mesmo durando uns dois minutos no filme e poucas páginas do livro, me impactou muito, porque mostra que a vida dele nunca mais seria a mesma. Ele não poderia mais fazer coisas que ele estava acostumado, coisas simples como abraçar alguém.

Por que você indicaria esse livro?
Porque é um romance sobre um doença que não é muito conhecida e tem uma história linda, não muito feliz, mas linda.

Todo livro carrega um tipo de ensinamento, o que esse te ensinou?
Nós somos muito privilegiados e deveríamos valorizar as coisas simples, como um abraço ou poder correr, pois muitas pessoas dariam tudo para poder fazer isso.

Por que você não faz outras lives falando de suas experiências de leitura?
Eu tenho um canal no YouTube, no qual postei o vídeo que gravei para o concurso Ibeu BookTubers, e de vez em quando faço resenhas de livros em inglês lá, estava até pensando em postar a resenha desse livro (A cinco passos de você). Então, eu não faço lives, mas faço alguns vídeos.

Quando você começou a gostar de ler?
Até o fim de 2018, eu odiava ler. Eu pegava no livro só me obrigando mesmo, eu tinha horror à leitura. Eu lembro como se fosse hoje, eu estava na biblioteca da escola esperando minha irmã para ir para casa. Não tinha nada para fazer lá, minha bateria do celular tinha acabado, os computadores estavam ocupados. Minha irmã chegou e perguntou “por que você não lê esse livro?”. Eu fiquei receosa, mas acabei lendo e gostando muito. O livro era “Minha vida fora de série”. Li toda a uma coleção de quatro livros e me apaixonei por ela. por isso, pensei em dar a chance para outro livro. Li “A seleção”, que também faz parte de uma coleção. Não foram os livros que mais me marcaram, mas é uma das minha coleções favoritas até hoje. Mas o livro que abriu meus olhos para o universo da leitura foi a saga “Percy Jackson”, que me fez ler todos os livros do autor.

Qual seu tipo favorito de livro?
Romance, aventura, principalmente, e suspense. Não suspense de terror, mas tipo “Um de nós está mentindo” ou “Mortos não contam segredos”, que são do mesma autora.

Você tem outras indicações?
Eu indico fortemente um livro que me marcou bastante que chama “O ódio que você semeia”. É um livro atemporal que começa quando dois amigos negros são parados, sem motivo, por uma viatura policial quando voltavam de uma festa. O policial, que é branco, pede que eles desçam do carro, a menina se mostra com medo, enquanto o menino está com raiva. Ele é morto a três tiros, porque o policial confunde a escova de cabelo no banco com uma arma. O livro mostra como a garota vai lidar com isso, por também ser a única testemunha do crime, e o que acontecerá com o policial. É um livro muito bom de ler com um tema bem atual.

Quantos livros você já leu em 2020? Tem lido mais agora durante a quarentena?
Por enquanto, li menos que em 2019, 23 até agora. Tem dado mais tempo de ler, mas tem dado mais preguiça. Eu tenho uma ordem dos livros que quero ler, mas cheguei em uma parte da lista mais cansativa.

Você gosta de ler no formato digital (como Kindle e PDF) ou prefere o livro físico?
Eu nunca li por PDF, celular ou tablet, só livro físico e Kindle.

O que você diria para motivar aqueles que dizem que não gostam de ler?
Não é que você não goste de ler, é que ainda não leu o livro certo. Eu comecei a gostar quando encontrei o meu tipo de livro preferido, que é aventura.

Quantos anos você tem?
13.

Em qual filial do Ibeu você estuda?
Ipanema.

Você já visitou a biblioteca do Ibeu em Copacabana?
Não. Eu tenho muita vontade de ir, espero que após a quarentena, possa visitar com minha mãe e irmã.

Biblioteca do Ibeu

Nossa biblioteca fica em Copacabana, na sede do Ibeu. Além de fornecer recursos informacionais aos nossos alunos e comunidade em geral, nós também temos um espaço muito dinâmico. Nós encorajamos a pesquisa, o compartilhamento de ideias, a busca e o acesso responsável à informação de qualidade, além de promovermos atividades criativas que estimulam o protagonismo de nossos alunos.

O acesso é gratuito para alunos, professores, funcionários e associados. Visitantes (inclusive ex-alunos) devem pagar uma taxa semestral, mas para consulta local dos materiais da biblioteca, o acesso também é livre e gratuito. O horário de funcionamento é de segunda a quinta-feira, das 8h às 19h, e sexta-feira, das 8h às 17h. Já o horário de estudo para visitantes acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h.

 

You Might Also Like